Tempero da Vida

Eventos
Rosane Vidinhas
3 de outubro de 2019

Logos Hope o navio com a maior livraria flutuante do mundo

Por Rosane Vidinhas, 3 de outubro de 2019

 

Até Domingo, dia 6 de outubro, o Logos Hope estará ancorado no Pier Mauá, pertinho do Museu do Amanhã, aqui no Rio de Janeiro.

É uma organização internacional cristã, GOOD BOOK FOR ALL SHIPS (GBA Ships) sediada na Alemanha.

O Hope passou pelo Rio há 28 anos atrás.

O navio tem 9 andares e 132,5 metros de comprimento.

São 400 tripulantes voluntários. 65 diferentes nacionalidades. Existem famílias que viajam por um ou dois anos. As crianças que fazem parte da tripulação (hoje são mais ou menos 25), recebem ensino escolar a bordo.

A imensa livraria é composta de aproximadamente 5 mil títulos e 800 mil livros.

Fui gentilmente recebida por Márcio Lugão, que é de São Paulo, Diretor da OM (Operação Mobilização) no Brasil e que já ficou dois anos viajando em missão no navio.

Márcio explicou sobre os 3 objetivos da OM:

Uma das maneiras é a livraria constituída de diversos temas, dicionários, novelas, livros de culinária e 30% são livros cristãos.

Recebem doações de livros e também doam, por exemplo, a presídios.

Existem apresentações de peças teatrais.

Ao chegarem as cidades desenvolvem atividades artesanais, entre outros.

Procuram atender as demandas locais dos territórios onde chegam. Até um ano antes o local recebe a visita de um missionário para levantar quais as prioridades.

Assim auxiliam quer com doação de óculos de grau, construção de casas…

 

Em áreas onde é difícil o acesso a água potável, distribuem filtros com capacidade de filtrar 600 litros de água por dia, durante 10 anos.

Através da oração, levam a palavra de Deus, o acolhimento.

Fui na quarta-feira (2/10) conhecer, cheguei por volta das 13 horas, uma fila imensa, muito sol…depois me disseram que até as 14:30, naquele dia, cerca de 5 mil pessoas já haviam visitado o navio.

É importante passar protetor solar, levar guarda chuva para se proteger do sol, água, e boa dose de paciência se a fila se repetir tão grande. São quase duas horas de espera em pé, sem sombra. Dizem os missionários que aguardam mais de dez mil pessoas por dia neste último final de semana. Vi voluntários servindo água, oferecendo balões as crianças, mas houve dificuldade de controlar um número tão grande de pessoas.

Muitas escolas. Os professores protegiam as crianças com panos formando tendas.

Como na Bienal, me perguntei de novo: – como assim o povo não gosta de ler? Todo evento que envolve livro parece dar muito certo!

Lá dentro do navio você fica o tempo necessário, podendo escolher com calma os livros que desejar. Existe uma cafeteria, mas filas grandes, assim como para os banheiros.

Os livros tem ótimo preço, por exemplo, o que conta a história do navio custa R$10,00.

Muitos temas na área da alimentação:

A presença do repórter da TV GLOBO, Danilo Vieira divertiu a garotada que mal deixou que ele entrevistasse alguém, passando a ser entrevistado por eles.

A visita guiada para conhecer os outros andares do navio nem sempre acontece.

Tive a benção de ser guiada por Gustavo Moraes, de Roraima.

Não poderia deixar de conhecer a COZINHA, que me foi apresentada por Alisson Zanette, brasileiro.

 

Roxy Flores, é do México, e a chef responsável no momento.

São 1.500 refeições diárias. Por semana, 1 tonelada entre verduras, legumes e frutas para descascar, cortar…

O desafio é atender aos paladares e culturas tão diferentes. Dão preferência a seguir um cardápio baseado nos hábitos europeus.

O restaurante:

Agradeço a amiga Patrícia Mendes, missionária, uma entusiasmada defensora da OM.

Patrícia trabalhou durante dois anos com trabalho social em comunidades do Rio de Janeiro, quando decidiu procurar um curso de missões para se especializar. Uma das patrocinadoras do projeto a apresentou à OM.

Fez o curso em São José dos Campos. Durante a especialização, havia a ideia de irem para a China nas Olimpíadas. Não conseguindo viabilizar, rumaram à África apoiando crianças carentes e posteriormente à Europa auxiliando mulheres exploradas pelo tráfico humano.

 

 

** O navio fica até Domingo, dia 6/10.

** Idosos e crianças até 12 anos acompanhadas dos pais não pagam.

** A entrada é R$ 5,00 a ser paga em dinheiro.

** Na livraria o pagamento é em dinheiro ou com cartão de crédito internacional.

© 2017 Tempero da Vida. Todos os direitos reservados.

Outlab.